fbpx

Ato em defesa da democracia na Avenida Paulista.
Ato em defesa da democracia na Avenida Paulista.

Desde 2019, a professora Luciene Cavalcante é uma das idealizadoras e coordenadoras do Conselho Mirim do mandato do vereador Celso Giannazi. Uma iniciativa inédita que busca dar voz e protagonismo às crianças, incluindo-as como sujeitos históricos e cidadãos de direitos.

É um espaço para que suas vozes sejam ouvidas, respeitadas e para que participem ativamente da formulação de políticas públicas para a cidade, já que isso é fundamental em uma sociedade democrática.

A ideia de criar o conselho partiu de sua experiência como Professora de Educação Infantil concursada na rede municipal de São Paulo, onde adquiriu um conhecimento profundo sobre o tema e hoje conhece como poucos a realidade e as demandas do chão da escola pública.

O Conselho Mirim e a professora Luciene Cavalcante já participaram de diversas manifestações nas ruas em defesa do direito das crianças, das minorias, da inclusão, do meio ambiente e da educação. Realizaram atividades na Câmara Municipal e na Assembleia Legislativa, propondo projetos de leis e política públicas para garantir desde cedo a participação e o exercício de cidadania das crianças.

Uma das primeiras iniciativas que construíram juntos foi a proposição do Projeto de Lei 331/19, para garantir a participação dos alunos do 1º ao 4º ano nos Conselhos de Escolas.

A atuação inédita do Conselho Mirim começou a ser reconhecida pela população e pelos meios de comunicação. Conselheiras e conselheiros foram entrevistados pela TV ALESP e também participaram ao vivo de programa na Rádio CBN para explicar suas primeiras propostas para a cidade de São Paulo.

Diante da criminosa política ambiental de Jair Bolsonaro, o Conselho Mirim organizou a primeira Plenária das Crianças em defesa do Meio Ambiente e da Amazônia. A atividade reuniu mais de 150 crianças na Câmara Municipal e definiu a adesão e mobilização do conselho para o ato na Avenida Paulista da Greve Global Pelo Clima.

O protagonismo e a luta do Conselho Mirim em defesa da preservação do meio ambiente foram destaque e repercutiram em diversos veículos de comunicação.

O Conselho Mirim representa hoje a força da coletividade e da vontade de mudar o mundo das crianças, cotidianamente invisibilizadas e excluídas do debate político. Sonhar e pensar ao lado delas é fundamental para o exercício democrático e também para a construção de uma escola pública de qualidade para todos e todas.